Casamento Gay aprovado, e agora?

Foi aprovado nesta sexta-feira (26 de junho de 2015) pela Suprema Corte Norte Americana o direito de casais do mesmo sexo se casarem. A Igreja publicou uma nota oficial em seu site de noticias informando que A Decisão da Suprema Corte não irá altera a Doutrina de Matrimonio

A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias reconhece que, após a decisão de hoje pelo Supremo Tribunal Federal, casamentos do mesmo sexo são agora legal nos Estados Unidos. A decisão do Tribunal não altera a doutrina do Senhor que o casamento é uma união entre um homem e uma mulher ordenada por Deus. Enquanto mostrando respeito por aqueles que pensam de maneira diferente, a Igreja continuará a ensinar e promover o casamento entre um homem e uma mulher como uma parte central de nossa doutrina e prática

O presidente americano, Barack Obama, já havia dito no Twitter que a aprovação é um grande passo para a igualdade de direitos. “Casais de gays e lésbicas têm agora o direito de se casar, como todas as outras pessoas“. O casamento homossexual já havia sido aprovado em 2014 no estado de Utah. Agora os estados norte americanos não podem mais barrar os casamentos entre homossexuais.

Esta decisão da Suprema Corte terá um grande impacto na decisão do mesmo assunto em outros países, uma vez que a suposta classe pensadora tende a seguir. Para religiosos adeptos ao cristianismo há uma grande preocupação nisso tudo, afinal sabemos o que aconteceu com Sodoma e Gomorra.

O grande erro de muitos, até mesmo entre os santo, é supor que a lei dos homens sobrepõe a lei de Deus. Os homens podem escolher como quiserem suas leis, porém as leis de Deus pertencem a Ele. A aceitação do pecado por parte dos homens não obriga que Deus o aceite.

Pretendemos o privilégio de adorar a Deus Todo-Poderoso de acordo com os ditames de nossa própria consciência; e concedemos a todos os homens o mesmo privilégio, deixando-os adorar como, onde ou o que desejarem.
(11 Regra de Fé)

A Igreja não deve ser obrigada a mudar sua forma de adoração por conta de um lei. O Deus do cristianismo nunca foi a favor do pecado do homossexualismo. Porém todos deve ter o privilégio de adorar como, onde ou o que desejarem. Existem tantas igrejas e religiões exatamente por isso, quando algo não agrada ao homem ele encontra um meio de satisfação.

FONTES 
1. LDS Newsroom: Supreme Court Decision Will Not Alter Doctrine on Marriage 
2. G1: Suprema Corte dos EUA aprova o casamento gay em todo o país

Veja também:
Church Leaders Counsel Members After Supreme Court Same-Sex Marriage DecisionComunicado oficial do conselho da Primeira Presidência e o Quórum dos Doze Apóstolos, comunicado ainda não disponível em português.

SUDBR © 2017. A visão exposta no artigo representa a opinião do autor e não necessariamente a posição da Igreja. Este website não é afiliado ou propriedade de A Igreja de Jesus Cristo dos Santos dos Últimos Dias. Para a posição oficial da igreja acesse LDS.org site oficial; Veja também os links no artigo.


Você pode gostar...

SUDBR © 2017. Todos os Direitos Reservados. É proibída a reprodução total o parcial do conteúdo sem autorização expressa do Editor. O material disponível para download é para uso pessoal sem fins lucrativos, você não está autorizado a distribuir este(s) arquivo(s) de qualquer forma seja eletronicamente ou por qualquer outro meio.


COMENTÁRIOS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

19 Resultados

A visão exposta nos comentários não representa necessariamente a posição da Igreja. Os comentários também não representam a opinião do SUDBR. A responsabilidade é inteiramente do autor do comentário. Leia nossa Política de Comentários


  1. Luiz Carlos disse:

    A promessa é que independentemente do que as leis adotarem, não seremos obrigados a ferir os princípios do Evangelho. A autonomia de realizar o casamento é da instituição mediante suas normas internas., e não do solicitante.

  2. glauco disse:

    Não sei porque razão mas falar alguma coisa contra a comunidade LGBT deixa o sr Marcelo Jun enfurecido!!! Ele tem até um espaço dedicado aos ” Gays Mórmons” no seu covil do Vozes Mórmons!!

  3. glauco disse:

    Concordo com a questão do confessar! Tenho um testemunho da Restauração, do Salvador e de Joseph Smith, minha filosofia é evitar ao máximo o pecado, porque confessar a um homem mesmo sendo um lider é muito complicado. Claro que a responsabilidade por seus pecados é sua, e se vc errou agora tem que arcar com essas consequencias, mas ter lideres em quem confiar é importante também, já vi líderes citarem que entrevistaram uma pessoa naquela semana e relataram diretamente em alto e bom tom todo o teor da entrevista no púlpito, na sacramental, apenas não citando o nome da pessoa!! Me senti mal pelo individuo, pois mesmo não sabendo quem ele era, creio que estava lá, e ninguém quer ver sua vida privada exposta a público por ter sido humilde e confiado num lider. Por isso faço meu melhor para ficar longe de encrenca!! Creio que os muitos líderes especialmente aqui no Brasil são despreparados para lidar com muitas questões, em vez de usar a inspiração usam seu modo de pensar para julgar. Sei que a Igreja é verdadeira, não estou contra ela, nem contra os líderes, mas creio que se uma cultura “preventiva” fosse o lema de muitos de nós a “repressão” seria bem menos dolorosa. Grato

  4. Alexandre disse:

    Não acho que a igreja deve se intrometer na vida daqueles que não à seguem… Independente do que as pessoas fazem entre quatro paredes, todos são filhos de Deus, tem o direito de amar quem quiserem nessa vida. Acho errado a igreja se opor à felicidade e direito das pessoas que pagam seus impostos de se casarem e constituírem família.

  5. Church Leaders Counsel Members After Supreme Court Same-Sex Marriage Decision
    Comunicado oficial do conselho da Primeira Presidência e o Quórum dos Doze Apóstolos, comunicado ainda não disponível em português.

  6. Camila de Mendonça disse:

    Adorei a matéria, muito sensata e correta. Sobre os comentários… dúvidas colocadas sobre o casamento plural e o sacerdócio para negros… Bem, pouco sei sobre esses assuntos, mas sei que confio no meu Salvador e que não preciso ter conhecimento de todos os Seus propósitos, sei também que muitos deles não são revelados porque nós, homens, mortais, não temos o privilégio de poder compreender. A Igreja de Cristo é real, não muda, não se curva mediante aos homens e suas leis e mesmo com tal poder, ainda sim respeitamos as leis do país!!!!! O Evangelho de Cristo não poderia ser mais perfeito!

  7. Marcelo disse:

    infelizmente o ditado de que mormons eram inteligentes, industriosos, vai contra esse post, sendo praticamente de um analfabeto funcional. só para título de conhecimento…qualquer teólogo sabe que sodoma e gomora não foi destruída devido a homossexualidade… Esse falso contexto só foi criado na idade média… E a palavra homossexualismo, não existe nesse contexto desde a década de 90… Para ciência homossexualidade não é doença, para os mormons, desde 2010. Portanto seria ótimo o autor do texto se atualizar. digo mais…basta o governo ameaçar confiscar os bens da igreja…rapidíssimo aparece uma nova revelação… Coisa que não existe nessa igreja a mais de um século, pois é movida apenas por empresários da fé…convido quem quer ter conhecimento de verdade a visitar o site vozesmormons.com.br e verão dúzias de matérias de muitas vezes que a lei de “Deus”, se rebaixou para as leis dos homens…POLIGAMIA É SO 1DOS EXEMPLOS CLÁSSICOS.

    • A crença religiosa de alguém sobre os adventos passados não determina a inteligencia, ou mesmo a capacidade desse individuo. Este é um argumento tendencioso com o intuito de menosprezar a religiosidade do indivíduo. A referencia a Sodoma e Gomoarra feita nesse texto não é para criticar o homossexual, mas sim para mostrar que Deus não muda seus mandamentos, e quando uma civilização ou ser se torna corrupto e perverso, Deus leva a destruição para não perverter o caminho dos justos. Leia O Pecado de Sodoma para saber a minha opinião sobre Sodoma. Em momento algum foi afirmado que homossexualidade é doença, você que trouxe este conceito. Agora acreditar que Deus se curvou ao homem exemplificando revogações de mandamentos, é na realidade um tanto ingênuo de sua parte e falta de conhecimento sobre a doutrina da Igreja. Sinceramente, Vozes Mórmons não é uma boa fonte de informação, uma vez que ensinam a filosofia dos homens mescladas com escrituras. Entrar em determinação governamental? O Estado laico protege a religião também, de modo que ele não pode se opor a ela ou favorece-la, você sugeri que não se deve haver liberdade religiosa? Que um individuo não pode acreditar no que ele quiser? O direito do homem acaba quando começa o do vizinho.

    • Joao disse:

      @Marcelo: Marcelo. Na verdade, os mandamentos de Deus mudam sim conforme a lei dos homens. Muitas vezes os mandamentos são alterados conforme a cultura e capacidade do povo em conseguir entender, aceitar e guardar o mandamento. Outra situação é quando Moisés aceitou o divórcio, que embora seja uma quebra da convênio do casamento, não é mais visto como pecado. Posso realmente citar quando o sacerdócio foi impedido aos negros. Brigham Young nunca disse que recebeu isso por meio de revelação, pelo menos desconheço qualquer afirmação a esse respeito. E demorou muito tempo para que o sacerdócio fosse dado a eles por conta da mentalidade preconceituosa de membros e líderes e apenas quando foi possível vencer esse preconceito, é que as coisas puderam ser mudadas. Sobre isso temos uma citação:

      “” Com toda suas inspirações e grandezas, profetas são ainda homens mortais com imperfeições comuns à raça humana em geral…. Eles têm suas opiniões e preconceitos e são deixados muitas vezes sem inspiração para resolverem seus próprios problemas. (McConkie [1966], 608.) “”””

      Homens erram, possuem paixões e preconceitos e os profetas, ainda que sejam porta vozes de Deus, erram quando fazem aquilo que não foi revelado a eles, Brigham Young errou, Balaão errou, Pedro errou, Paulo errou… enfim.. O fato de serem profetas não os tornam perfeitos. Toda a familia humana precisa de constante refinamento para o amadurecimento intelectual e espiritual, havendo assim o progresso.

      Sobre as leis dos homens, foi ensinado por Jesus na Biblia e foi ensinado depois por Joseph Smith que devemos cumprir as leis dos homens. A Igreja obedece as leis dos países em que é proibido o proselitismo, assim como outras coisas. E assim será enquanto o governo pertencer aos homens e não a Cristo. A Igreja não se opõe aos direitos civis dos homossexuais, porém infelizmente se opôs ao casamento, uma lei que em nada afeta a Igreja. Mas mesmo assim, em nenhum momento a posição dos líderes foi apoiada como revelação do Senhor e até mesmo o apóstolo Christofferson disse que não há apostasia ou iniquidade um membro apoiar uma posição diferente da defendida pela liderança da Igreja. Demonstrando assim que não é um mandamento vindo do Senhor. Devemos lembrar o que foi dito a Joseph Smith:

      D&C 56: 26-28
      26 Pois eis que não é conveniente que em todas as coisas eu mande; pois o que é compelido em todas as coisas é servo indolente e não sábio; portanto não recebe recompensa.

      27 Em verdade eu digo: Os homens devem ocupar-se zelosamente numa boa causa e fazer muitas coisas de sua livre e espontânea vontade e realizar muita retidão.

      28 Pois neles está o poder e nisso são seus próprios árbitros. E se os homens fizerem o bem, de modo algum perderão sua recompensa.

      Então Deus não fica revelando tudo aos profetas, mas os deixa livres a tomar decisões, apenas interferindo vezes ou outra com revelações. É possível que isso faça com que tomem decisões erradas por vezes, até que o Senhor revele as coisas importantes ou a correção dos erros cometidos. Joseph organizou uma estaca tudo errado, foi apenas depois de alguns meses que o Senhor revelou a forma correta e ele teve que refazer tudo.

      Por fim, não precisa chamar o irmãozinho de analfabeto funcional apenas pq ele não sabia uma parte da história por não ter estuda teologia. Nisso vc se exaltou desnecessariamente, cabendo um pedido de desculpas a ele. É direito seu acreditar ou não que a Igreja recebe revelação. Eu tenho meu testemunho pessoal que os líderes recebem revelação pessoal e inspiração para guiar a Igreja, mesmo sendo imperfeitos e as vezes estando errados e agindo conforme seus preconceitos e paixões. Seguir um líder perfeito é fácil, difícil é apoiar um líder imperfeito, mas estamos aqui para nos ajudarmos e não seguirmos cegamente. Sobre isso disse Joseph Smith:

      “(…)A ninguém é requerido submissão cega a um homem por ter ele uma porção do Sacerdócio. Temos ouvido de homens que portam o Sacerdócio, que fariam qualquer coisa que ditas por aqueles que presidem sobre eles – mesmo que soubessem que era errado. Mas obediência tal como esta é pior do que tolice para nós. É escravidão ao extremo. O homem que de bom grado, se degrada não deveria reivindicar um posto entre os seres inteligentes, até que ele abandone sua insensatez(…) Outros, no exercício extremo de sua autoridade onipotente, ensinaram que tal obediência era necessária, e que não importa o que os Santos fossem instruídos a fazer pelos seus presidentes, deveriam fazê-lo sem quaisquer perguntas. Quando os élderes de Israel vão longe ao se engajar nestas noções extremas de obediência a ponto de ensiná-las ao povo, geralmente é porque eles têm, em seus corações, o desejo de fazer o errado eles mesmos.””Priesthood,” Millennial Star 14/38 (13 November 1852) José Smith.

      Brigham Young:

      “Nós estamos conectados ao erro; somos sujeitos, em maior ou menor grau aos erros incidentais da família humana. Todos nós gostaríamos de viver sem estes erros, e muitos pensam que um homem em minha posição deveria ser perfeito; longe disso. Se vocês apenas pensassem isso por um momento, vocês não me tornariam perfeito, pois se fosse perfeito o Senhor já me teria transladado ao Paraíso mais rápido do que vocês desejassem que eu lá estivesse.” (JD 10:212.)

      Brigham Young disse em uma outra ocasião:

      “Eu tenho muito mais receio de que este povo tenha tanta confiança em seus líderes que eles não inquirirão por eles mesmos a Deus se eles estão sendo guiados por Ele…Que todo homem e mulher saibam por si mesmos se seus líderes estão andando no caminho ditado pelo Senhor ou não.” (JD 9:150.)

    • glauco disse:

      @Marcelo: Marcelo Jun é um troll de internet, apóstata com um bom conhecimento secular, mas um verdadeiro ignorante em questões espirituais. Pediu para ter seu nome removido dos registros da igreja e utiliza seu famigerado espaço ironicamente chamado “Vozes Mórmons” para difamar a igreja e sua liderança com artigos gringos requentados e sensacionalistas. O “Vozes Mórmons” é um espaço repleto de pessoas que por diversos motivos se revoltaram: seja por ser homosexual que não tem a permissão da igreja para viver sua prática, ególatras que acham que a igreja é uma democracia ou feminazis que desejam portar o sacerdócio, ou seja um covil de cobras que em sua loucura orgulhosa se poe como uma luz para o povo. No jargão da internet existe um ditado: Não alimente trolls!! Eu digo Marcelo Jun deve e precisa ser ignorado, ele sente necessidade de atenção para exibir toda sua erudição e esconder suas verdadeiras intenções, ele é uma versão atual de Serém do livro de Mórmon, culto conhecedor superficial da religião, mas perigoso e mentiroso.

  8. David disse:

    A igreja não pertence a nenhum homem, ela é dirigida por Jesus Cristo, é Sua igreja. Se alguém tentar desviar os caminhos do Senhor, mesmo que profeta, ele será afastado. A igreja nunca se curvou a lei dos homens. Tudo tem um propósito e é como fala as escrituras, os pensamentos do Senhor são mais elevados que o nosso, e muitas coisas que não entendemos na mortalidade, são claras pra Ele. Estamos vivendo os últimos dias, e os sinais estão acontecendo, sendo que muitos santos estão se deixando levar pelo mundo e pelas artimanhas do inimigo. Muitos serão chamados e poucos escolhidos.
    A igreja chama todos ao arrependimento, Deus ama seus filhos e deseja que todos participem da eternidade, mas para isso, leis celestiais foram estabelecidas, e só quem consegue viver essas leis entrará no reino celestial. Por isso outros reinos existem, cada um receberá de acordo com a lei que viveu.
    Não vos deixeis enganar, o mundo pregará coisas bonitas aos olhos, milagres acontecerão, muitos pregarão contra O Senhor, e muitos santos cairão. Que estejamos firmes, contra toda oposição, a volta de Jesus Cristo está próxima.

  9. Elber Carneiro disse:

    Concordo com o irmão Leandro,a Igreja do Senhor Jesus Cristo nunca se curvou diante as leis dos homens,porém pense irmão Ricardo.. o que o senhor me diz sobre “a poligamia”(casamento plural) nos tempos antigos? era errado? qual era o propósito?. Com esse fim o casamento plural foi aceito,por tempo limitado entre os santos… porém não adianta falar sobre termos doutrinários,pois o testemunho do princípio é recebido daqueles que desejam receber.

  10. Ricardo Prestes Fontoura disse:

    Infelizmente isso esta acontecendo,devido a falta de respeito com a opinião e liberdade aferida. Mas a Igreja sim se curvou perante a Lei dos homens , se não estou enganado,o Estado obrigou a Igreja a acabar com a Poligamia e também a pressão popular teve peso sobre o sacerdócio para os negros. Apesar de eu não encontrar nada disso na Bíblia.rsrsrs

    • Caro irmão não creio que esses seus exemplos são de a igreja se curvando perante os homens. Verdade as pessoas tem sua liberdade de expressão inclusive o arbítrio de escolher o certo. Mas gostaria sem mais delongas que sobre a questão do sacerdócio aos negros o irmão se equivocou pois a igreja sempre foi contra a escravidão. A respeito do casamento plural (e não poligamia) esse principio se mantem na eternidade, há exemplos evidentes em Selamentos. A Igreja não se curva, na realidade hoje a igreja é muito mais madura que na época dos primeiros profetas.

    • Dado disse:

      a igreja não concedia o sacerdócio aos negros… Que piada de mal gosto. Igreja provinciana e rascista… Qtos bispos ou presidentes de estaca negros existem no mundo? Só na África mesmo! E o quorum dos 12? Jamais haverá meu amigo! Pq na igreja só branco tem poder